Imprimir

Mais uma da Dilma

Com a queda de preço do barril de petróleo a gasolina cai de preço em todo o planeta, menos no Brasil. Segundo analistas do setor a gasolina era para custar no Brasil menos de R$ 2 vai custar mais de R$ 3. Além disso a nossa presidenta Dilma Rousseff vetou a compra de energia elétrica direto na Chesf pelas indústrias do nordeste ao preço de R$ 100 MWh e a indústria vai ter que comprar energia no mercado livre a um preço de R$ 338 MWh. A consequência disso é uma elevação nos custos de alguns produtos e um desemprego de aproximadamente 145 mil trabalhadores.

Sem dúvidas o temos um ambiente ideal para uma recessão longa e duradoura no país. Tudo o que foi artificialmente represado antes do período eleitoral vai ser cobrado, e com os juros que são altos, da população brasileira que insiste em não aprender a lição. Talvez por isso tantos estudantes brasileiros tenham tirado nota zero no ENEM. E por falar em educação, a quem interessa um povo com bom nível educacional  e instruído?

Biracka Bayma

Imprimir

Paulo Roberto Costa nega ser o culpado pelo prejuízo bilionário da Petrobras em Pernambuco

O ex-diretor da Petrobras e um dos principais delatores da Operação Lava-Jato, Paulo Roberto Costa não quer “levar a culpa sozinho”. Através de seu advogado, o ex-diretor defendeu-se nesta segunda-feira (19) depois da tentativa da estatal de responsabilizá-lo pelos prejuízos bilionários na construção da Refinaria Abreu e Lima, no município de Ipojuca, no Grande Recife. Quando a obra foi iniciada, em 2005, o custo inicial era de US$ 2,5 bilhões, hoje, no entanto, o valor gira em torno dos US$ 18,5 bilhões.

“Dessa forma, parece que ele é o algoz de uma perda bilionária para a Petrobras. Isso não é verdade”, disse o advogado de Costa, João de Baldaque Mestieri ao jornal Folha de S. Paulo. “Ele não tinha autonomia para autorizar esse tipo de gasto”. No domingo, o jornal revelou que a refinaria em construção em Pernambuco vai gerar uma perda de US$ 3,2 bilhões para a estatal. As receitas futuras do projeto, quando estiver em pleno funcionamento, não devem bancar os prejuízos do investimento. Ou seja, a obra nascerá operando no vermelho.
A reação de Paulo Roberto Costa foi que, após a publicação da reportagem da Folha, a Petrobras deu sua versão sobre os fatos. A empresa divulgou uma nota afirmando que o ex-diretor ocupava a diretoria de Abastecimento e propôs um plano de antecipação das obras na refinaria de Pernambuco, o que teria levado a “um grande número de aditivos contratuais”, que são despesas pagas, em caráter de emergência, fora do processo de licitação. A antecipação das obras não é recomendada pela área técnica da estatal em fase inicial.

A “sugestão” de Paulo Roberto Costa obrigou a estatal a fazer diversas mudanças no projeto, encarecendo as obras. Em depoimento à Polícia Federal, o ex-diretor disse que cobrava propina das empreiteiras envolvidas na obra, ficando com uma parte do dinheiro e repassando o restante a partidos políticos, como PP e PMDB. “Não se pode atribuir ao Paulo Roberto a culpa pelo aumento de custo de Abreu e Lima. Toda essa investigação sobre a Petrobras se origina da decisão dele de ficar em paz e fazer a delação”, disse Mestieri.

O advogado de Paulo Roberto disse que seu cliente não podere ser responsabilizado como “único culpado” nas mudanças do projeto. De acordo com ele, foi realizado um plano de antecipação da refinaria por toda a diretoria executiva da empresa em 2007. O plano teria o aval da atual presidente Graça Foster. “Ele nunca poderia ter feito isso sozinho. Na época, o Brasil precisava elevar a sua capacidade de refino para reduzir o prejuízo com importações de combustíveis. Daí a necessidade de construir novas refinarias o quanto antes”, disse Mestieri.

Em 2009, o projeto já dava sinais que estava com a rentabilidade comprometida. A diretoria da Petrobras, no entanto, aprovou que a construção da refinaria entrasse formalmente em sua fase de execução. As obras atrasaram, mas o conselho de administração da estatal determinou que o projeto seguisse adiante em 2012. Nessa época, o prejuízo estimado pela área técnica era de US$ 3,2 bilhões. Atualmente, a Refinaria Abreu e Lima é a obra mais cara em curso no Brasil. Ela supera a Comperj e a usina de Belo Monte.

Imprimir

TCE rejeita contas de João Paulo como prefeito do Recife

Além desta questão, o TCE disse que a gestão usava dos recursos da educação para pagar outras despesas como “merenda escolar, fardamento escolar, estagiários e bolsas de estudo”, o que seria proibido por lei federal.

O ex-prefeito ainda poderá recorrer ao pleno do TCE.

João Paulo foi prefeito do Recife entre 2001 e 2008.

Com apoio de Eduardo Campos (PSB), elegeu o sucessor João da Costa (PT) em 2008.

Por motivos até hoje não esclarecidos, João Paulo e João da Costa romperam logo depois.

Após uma breve passagem por uma secretaria estadual esvaziada do Governo Eduardo Campos, João Paulo se elegeu deputado federal em 2010.

Após o PT negar legenda para a reeleição de João da Costa, João Paulo aceitou ser candidato a vice-prefeito na chapa de Humberto Costa, na eleição do Recife em 2012. A chapa “puro-sangue” do PT foi um fracasso nas urnas, deixando seqüelas no partido até hoje não sanadas.

Em 2014, João Paulo foi o candidato ao Senado, na chapa de Armando Monteiro (PTB) para governador.

Apesar de ter liderado as pesquisas durante toda a campanha, nos últimos dias foi ultrapassado pelo candidato Fernando Bezerra Coelho, graças à força da chapa do PSB, encabeçada pelo atual governador Paulo Câmara.

Atualmente, João Paulo está trabalhando, junto ao PT nacional, para receber um cargo de destaque no segundo escalão do Governo Federal, pois seu mandato de deputado federal acabará em 31 de janeiro.

Imprimir

Por onde andará o prefeito Geraldo Júlio?

É improvável que o burgomestre do Recife esteja no Cais do Apolo, onde tem à disposição um gabinete bem apetrechado, com o conforto dos marajás, ou próximo disso. Ele não está lá, certamente. Também não se encontra nesses lugares alcançáveis pela imprensa ou mesmo pela internet. E se não está em nenhum desses lugares por onde deverá ser procurado?

Operoso e eficiente como é reconhecido, se encontrado provavelmente dará um jeito em muitas coisas desagradáveis e até perigosas vividas pelo recifense, dia sim outro também. Como nosso protetor e solucionador dos nossos problemas mais cruciais, pelo menos estes, se estivesse acessando os meios de comunicação nos últimos 15 dias infalivelmente teria mexido com seus pauzinhos para salvar a Via Mangue – em cuja implantação tanto se envolveu – da escuridão plena. Óbvio que essa situação só persiste porque o administrador da cidade não sabe.

Mesmo seus mais ferrenhos adversários hão de reconhecer que a bronca da Via Mangue só obriga os jornais a gastar tanto papel e verbo porque ninguém chegou ainda ao comandante para alertá-lo, talvez por desconhecer o seu paradeiro. Um detalhe: quando tomar conhecimento do que se passa o prefeitão, gerentão como todos sabem, não sossegará um minuto até que voltemos a contar com os benefícios uma obra que consumiu duas carretas de cédulas de cem reais e que nos fez esperar alguns fevereiros para vê-la disponível.

Então, gente, vamos arregimentar exércitos e, se for o caso, a polícia de François Hollande, para localizar doutor Geraldo. Ou, talvez, quem sabe, apelar pro “comunicador da maioria”, xará de sua excelência, a quem ele adora dar entrevistas e falar dos seus feitos épicos desde que assumiu as rédeas dos desavisados – e os avisados também – recifenses. Uma vez localizado o responsável pelos destinos da cidade, ninguém tem dúvida, em menos de três ou quatro meses, todos os mil e poucos bicos de luz (estarei exagerando na quantidade?) serão reinstalados e a luminosidade da via estará de volta. Para felicidade geral dos conterrâneos de Manoel Bandeira, Capiba e Nelson Ferreira.

Jamildo

Imprimir

PSB reune deputados para deliberar sobre eleições da Assembleia Legislativa

O presidente estadual do PSB, Sileno Guedes, depois de ouvir a maioria dos partidos que compõem a Frente Popular de Pernambuco na Assembleia Legislativa, reune-se na tarde desta segunda-feira (19), em mais um encontro com a bancada do PSB. Em pauta, o posicionamento dos socialistas para a eleição da Mesa Diretora da Casa.

Imprimir

'Se Cerveró está preso, Graça Foster também deveria estar', diz advogado

 O advogado Edson Ribeiro, que representa o ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró, afirmou que a justificativa para o Ministério Público Federal ter pedido a prisão preventiva de seu cliente "não tem cabimento" e que, se fosse válida, "Graça Foster [presidente da Petrobras] também deveria ter tido a prisão decretada".

Ribeiro diz, ainda, que, se a justificativa não vale para a executiva, "o Ministério Público Federal está prevaricando".

A presidente da Petrobras, no entanto, não é alvo da Operação Lava Jato, que investiga um esquema de corrupção na Petrobras. Cerveró é réu em uma ação penal pelas acusações de corrupção e lavagem de dinheiro.

O ex-diretor da estatal foi preso na madrugada desta quarta-feira (14) no Rio, enquanto desembarcava de Londres, onde passou o fim de ano. Cerveró já está na sede da Polícia Federal em Curitiba, onde ficará detido.

A Procuradoria justificou o pedido de prisão pelo fato de Cerveró ter transferido imóveis no Rio de Janeiro para os filhos, em 2014, e por ter tentado transferir R$ 500 mil para a filha, em dezembro.

"Não estou imputando culpa a Graça Foster, mas, se o critério para a prisão de Cerveró foi ter transferido bens para filhos, o critério tem que valer para Graça, que também doou imóveis para os filhos. Ela também era da diretoria da Petrobras na época da compra dos 50% restantes da refinaria de Pasadena, assim como Cerveró era diretor na compra dos 50% iniciais. As decisões são tomadas pela diretoria. Se não vale para Graça, o Ministério Público está prevaricando."

Procurada para comentar as declarações do advogado em relação a Graça, a Petrobras enviou nota em que "refuta veementemente a informação de que a presidente tenha feito qualquer movimentação patrimonial indevida".

Na nota, a Petrobras diz que a prisão de Cerveró, "conforme decisão judicial", foi requerida "em razão da sua prática continuada de ocultação e dissimulação de bens e direitos (valores e imóveis para familiares), visando frustrar a aplicação da lei penal na ação judicial em que é réu, relacionada aos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro".

Segundo a estatal, os esclarecimentos sobre as doações aos filhos foram prestados ao TCU, e as operações obedeceram a lei.

 



Após ser preso, Nestor Cerveró chega à sede do IML em Curitiba para exames de corpo de delito

IMÓVEIS
No primeiro semestre de 2014, Cerveró transferiu três imóveis em Ipanema, zona Sul do Rio de Janeiro, para os filhos. Também nessa época, Graça Foster fez operação igual, ao doar três imóveis para os filhos, dois deles nos bairros da Ilha do Governador e do Rio Comprido e outro em Búzios, região dos Lagos.

Na época, a Petrobras justificou que a presidente havia iniciado as operações de transferência um ano antes e que não havia irregularidade nelas.

Ribeiro reafirmou que as operações são normais. "Não há ocultação porque não há laranja. São transferências para parentes, que poderiam ser revertidas caso fosse constatada fraude".

As transferências ocorreram antes de o TCU (Tribunal de Contas da União) ter iniciado o julgamento do caso da refinaria de Pasadena, que, segundo o tribunal, resultou em prejuízo de US$ 792 milhões à Petrobras. Cerveró foi apontado como um dos responsabilizados. Graça não o foi, mas o TCU já indicou que vai rever o caso para aumentar a lista de responsáveis.

O advogado afirmou ainda que a tentativa de Cerveró transferir os R$ 500 mil foi em dezembro, dias antes de o ex-diretor viajar para Londres, mas acabou não sendo efetuada -Ribeiro não sabe por qual motivo. "Ele estava com uma filha doente, ia viajar, e queria tirar o dinheiro de uma aplicação financeira para que ficasse disponível. É dinheiro proveniente de salários dele, declarado em imposto de renda. Qual é o crime nisso?"

PRISÃO
Ribeiro afirmou ainda não ter tido acesso ao teor do decreto da prisão, que, segundo ele, foi assinado pelo juiz Ricardo Rachid de Oliveira, no plantão da Justiça Federal em 1º de janeiro.

"Cerveró entrou em contato com o Ministério Público e a Polícia Federal desde o dia 1º de abril do ano passado e se colocou à disposição, mas nunca foi chamado para prestar esclarecimento. Se ele acabou de voltar de Londres, está claro que ele não queria fugir."

O advogado diz que havia sido acertado com a Justiça para que Cerveró fosse citado na ação penal nesta quinta-feira (15), em sua casa em Itaipava, na cidade de Petrópolis (RJ), região Serrana do Rio.

Ribeiro afirma que vai viajar para Curitiba no início da tarde e, quando ler o teor do decreto da prisão, entrará com pedido de Habeas Corpus em Porto Alegre, sede do Tribunal Regional Federal que atende a região.

Imprimir

Contra candidato do PSB, oposição deve anunciar que ruma com Guilherme Uchoa, nesta quarta


A oposição na Assembleia Legislativa do Estado agendou para a manhã desta quarta-feira uma reunião para deliberar sobre o planejamento das ações do primeiro semestre, com as sugestões de pautas e cobranças ao governo Paulo Câmara.

No meio das discussões, o assunto mais estridente é o posicionamento em relação à eleição da mesa diretora da Alepe.

Para votar nele, a bancada de Oposição pediu a Uchoa uma nova postura e uma pauta nova, com mais audiências públicas e mais independência em relação ao governo socialista.

Na pauta do encontro estão ainda a escolha das comissões que serão pleiteadas.

Imprimir

Google Tradutor passa a traduzir imagens em tempo real

O Google anunciou nesta quarta-feira (14) a nova versão do aplicativo Tradutor. Agora, é possível traduzir textos simultaneamente usando a câmera do dispositivo. A nova versão funciona tanto em Andoid, como em iOS.

A função permanece ativa mesmo sem o uso da internet. Ao direcionar a lente para qualquer escrito aparecerá na tela o texto traduzido e não o original. Por enquanto a tradução de imagens funciona do inglês para português, francês, alemão, italiano, russo e espanhol e vice-versa. " Nós já estamos trabalhando para expandi-la a mais idiomas", prometeu o chefe do Google Tradutor, Barak Turovsky.

A atualização também facilita a conversação com pessoas de outras línguas. Basta clicar no ícone do microfone e o app reconhece qual língua está sendo falada. Uma vez identificado os dois idiomas não será necessário clicar no ícone novamente, o aplicativo traduzirá automaticamente a conversa conforme identificar.

"Mais de 500 milhões de pessoas usam o Google Tradutor todos os meses, produzindo mais de 1 bilhão de traduções por dia e tornando mais fácil comunicar-se e acessar informações em qualquer língua", informou Turovsky.

A novidade ainda não tem data para estar disponível nas lojas virtuais. O comunicado diz apenas que "essas atualizações serão oferecidas a usuários tanto de Android quanto de iOS nos próximos dias". Essa é a primeira vez que algumas funções mais avançadas, como a tradução por imagem, estarão disponíveis no iOS.